Home  |  Contact  

Email:

Password:

Sign Up Now!

Forgot your password?

CASA DAS LETRAS&ARTES DO TROVADOR
 
What’s New
  Join Now
  Message Board 
  Image Gallery 
 Files and Documents 
 Polls and Test 
  Member List
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 IMAGENS & GIFES 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 BIBLIOTECA DA LUSOFONIA 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 SONETOS IMORTAIS 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 POEMAS AVULSOS 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 «« POESIA DE CORDEL «« 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 POESIA HISPÂNICA 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 ARTE E HISTÓRIA NA PALAVRA E NA IMAGEM. 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 OBRA PRIMA DO DIA 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 «« EFEMÉRIDES »» 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 CULINÁRIA 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 80 MULHERES FAMOSAS COM MAIS DE 80 ANOS. 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 TÚNEL DO TEMPO 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 PORTUGAL - JARDIM À BEIRA MAR PLANTADO 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 MEU BRASIL BRASILEIRO - TODOS OS ESTADOS 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 ORAÇÕES 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 «« MÚSICA E SENTIMENTOS »» 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 NATAL É QUANDO O HOMEM QUISER 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 POETAS DEL MUNDO 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 DIA DOS NAMORADOS 2010 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 CARNAVAL 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 PÁSCOA E QUARESMA 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 DIA DA MULHER 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 MP 3 & MIDIS 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 DIA DA MÃE 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 1ª DE MAIO - DIA DO TRABALHADOR 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 DIA DA CRIANÇA NA EUROPA 
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ 
 FESTAS JUNINAS 
 
 
  Tools
 
MEU BRASIL BRASILEIRO - TODOS OS ESTADOS: ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
Choose another message board
Previous subject  Next subject
Reply  Message 1 of 11 on the subject 
From: QUIM TROVADOR  (Original message) Sent: 24/04/2010 18:26

ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE

Origem: Wikipédia

Localização
- Região Nordeste
- Estados limítrofes Paraíba e Ceará
- Mesorregiões 4
- Microrregiões 19
- Municípios 167

Capital Natal
Governo 2007 a 2011
- Governador(a) Wilma de Faria (PSB)
- Vice-governador(a) Iberê Ferreira (PSB)
- Deputados federais 8
- Deputados estaduais 24
- Senadores Garibaldi Alves Filho (PMDB)
José Agripino Maia (DEM)
Rosalba Ciarlini (DEM)
Área
- Total 52.796,791 km² (22º)
População 2009
- Estimativa 3.137.541 hab. (18º)
- Densidade 51,98 hab./km² (10º)
Economia 2007
- PIB R$22.926 bilhões (18º)
- PIB per capita R$7.607 (20º)
Indicadores 2005
- IDH 0,738 (2005) [1] (21º) – médio
- Esper. de vida 70,8 anos (19º)
- Mort. infantil 16,3[2]/mil nasc. (23º)
- Analfabetismo 20,9 [3]% (23º)
Fuso horário UTC-3
Clima tropical BSh, As
Sigla BR-RN
Site governamental www.rn.gov.br

O Rio Grande do Norte é uma das 27 unidades federativas do Brasil. Devido a sua localização geográfica é considerado como "esquina do continente", americano, e ocupa a posição nordeste da/na Região Nordeste e tem como limites a norte e a leste o Oceano Atlntico, ao sul com a Paraíba e a oeste com o Ceará. É dividido em 167 municípios e ocupa uma área de 52.796,791 km², sendo um pouco maior que a Costa Rica. Sua capital é a cidade de Natal. O estado apresenta o segundo melhor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), o menor índice de mortalidade infantil,[4] o menor índice de desnutrição[5] e a segunda maior expectativa de vida da Região Nordeste,[6] além de ser o segundo estado mais seguro do país (atrás apenas de Santa Catarina).[7] A capital do estado também é considerada a capital menos violenta do país [8][9][10] e décima-quarta cidade mais segura do Brasil.[8]

Possui uma população estimada em 3.137.541 habitantes, dos quais 73% vivem em cidades (áreas urbanas) [11], sendo as mais importantes Natal, Mossoró, Parnamirim, Assu, Currais Novos e Caicó. Outras cidades importantes são São Gonçalo do Amarante, Ceará-Mirim, Macaíba e João Cmara. Sua Capital, Natal, reúne em sua região metropolitana cerca de 1,3 milhões de habitantes, sendo a 4º maior região metropolitana do Nordeste, 6º maior do Norte/Nordeste e 15º maior do Brasil. Sua segunda maior cidade, Mossoró, possui uma população de aproximadamente 250 mil habitantes, sendo a 20º maior cidade da Região Nordeste e uma das maiores do interior nordestino, além de ser pólo de significativa importncia para o estado.

Apresentando um relevo modesto, com mais de 80% de sua área possuindo menos de 300m de altura, tem como rios principais o Potenji (que corta a capital), Moçoró, Apodi, Açu, Piranhas, Trairi, Jundiaí, Jacu, Seridó e Curimataú. As ilhas do Atol das Rocas também pertencem ao estado.

O Rio Grande do Norte é o maior produtor de petróleo em terra e de sal marinho do país,[12] também se destacando no setor agropecuário como a carcinicultura, a fruticultura irrigada (abacaxi, banana, melão e coco-da-baía, dentre outros) e a tradicional pecuária. Na indústria, são relevantes o parque têxtil (principalmente o DIM em Macaíba e o DIM de Natal/Parnamirim) e as instalações de processamento de petróleo e gás natural da Petrobrás em Guamaré, o Pólo Industrial de Guamaré.

Embora o maior litoral dentre os estados brasileiros seja o da Bahia, o Rio Grande do Norte é o com maior projeção para o Atlntico, já que se situa em uma região onde o litoral brasileiro faz um ngulo agudo, a chamada "esquina do Brasil". Foi por esse motivo, que os americanos decidiram estabelecer uma base aérea no estado durante a Segunda Guerra Mundial. Tal base, de tão importante que foi para o sucesso na Batalha da Normandia, foi apelidada na época de "Trampolim da Vitória", devido ao grande "salto" que proporcionou para a frente aliada.

História

Com a distribuição das capitanias hereditárias, o então Rio Grande é doado, em 1535, a João de Barros pelo Rei Dom João III de Portugal. A colonização fracassa e os franceses, que traficavam o pau-brasil, passam a dominar a área até 1598, quando os portugueses, liderados por Manuel de Mascarenhas Homem e Jerônimo de Albuquerque, iniciaram a construção do Forte dos Reis Magos para garantir a posse da terra.

O domínio lusitano durou até 1634, quando o Forte dos Reis Magos caiu em poder dos holandeses, que só foram expulsos em 1654. Nesse período, todos os arquivos, documentos e registros do governo português foram destruídos, o que até hoje dificulta a reconstituição da história da época [6].

Invasões preocupavam Portugal e, uma vez que a capitania do Rio Grande do Norte ficava localizada no ponto mais estratégico da costa brasileira, o Rei retomou a posse da Capitania e ordenou a construção de um forte para expulsar os Franceses da costa.

Em 1701, após ser dirigido pelo governo da Bahia, o Rio Grande do Norte passou ao controle da capitania de Pernambuco. Em 1817, a capitania aderiu à Revolução Pernambucana, instalando-se na cidade de Natal uma junta do governo provisório. Com o fracasso da rebelião, aderiu ao Império e tornou-se província em 1822. Em 1889, com a República, transformou-se em Estado.


Natal, capital do Rio Grande do Norte.
Mossoró, segunda cidade mais importante do estado e o maior produtor em terra de petróleo do Brasil.
Martins, principal cidade serrana do estado.
Rio Potenji.[editar] Geografia
Microrregiões do Rio Grande do Norte
Municípios do Rio Grande do Norte
Ano População Total
1872 234.000
1890 268.270
1900 274.317
1920 537.135
1940 768.000
1950 967.921
1960 1.145.500
1970 1.550.244
1980 1.898.172
1991 2.413.618
1996 2.558.660
2000 2.771.550
2007 3.013.740
2009 3.137.938

Fonte: IBGE

Maiores cidades do estado do Rio Grande do Norte
Posição Cidade População Posição Cidade População ver • edite

Natal

Mossoró

Parnamirim


1 Natal 806.203 11 Nova Cruz 36.561
2 Mossoró 244.287 12 Apodi 35.768
3 Parnamirim 184.222 13 Santa Cruz 35.095
4 São Gonçalo do Amarante 80.737 14 João Cmara 31.518
5 Ceará-Mirim 67.869 15 Touros 30.549
6 Macaíba 66.380 16 Canguaretama 30.541
7 Caicó 63.006 17 Macau 28.157
8 Assu 53.282 18 Pau dos Ferros 27.809
9 Currais Novos 43.536 19 Areia Branca 25.394
10 São José do Mipibu 38.404 20 Baraúna 24.347
Fonte:[13]
Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Ceará-Mirim, Macaíba e São José do Mipibu fazem parte da Região Metropolitana de Natal.




Economia

Ponte Newton Navarro.O Rio Grande do Norte é o que paga melhor em um emprego formal do Nordeste, segundo o IBGE.[14]
Segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), o Rio Grande do Norte paga o segundo melhor salário do Nordeste para professores da rede estadual.[15]
[editar] Agropecuária
A agricultura do estado é a que mais cresce em 2002, apoiada na expansão da fruticultura irrigada e, principalmente, na cana-de-açúcar (produzida nesse mesmo ano em um total de 2.011.241 t). Mandioca, milho, coco e melão são outras culturas de destaque nesse crescimento. A base da agricultura é a cana-de-açúcar, cuja safra cresce 22% em 1999 em relação ao ano anterior. É um dos estados que mais cresce no brasil, (cresce o dobro da média nacional)

A produção de caju, melão, melancia, acerola e manga é quase inteiramente destinada ao exterior, principalmente para a Europa. A fruticultura, beneficiada pelo processo de irrigação, não sofre com a estiagem.

As principais atividades do Rio Grande do Norte concentram-se nas áreas de Agricultura: castanha-de-caju, coco-da-baía, arroz, mandioca (esses últimos em processo de expansão), cultivo de algodão, banana, cana-de-açúcar, feijão, milho, batata-doce, sisal, fumo, abacaxi e mamona; Pecuária: bovina, suínos, avicultura; Pesca/Extração vegetal: Carnaúba e Mineração: sal marinho, calcário, diatomito, estanho, caulim, gás natural, petróleo, tungstênio, feldspato, nióbio.

Porto-Ilha de Areia Branca no município de Areia Branca, responsáveis por 95% de todo o sal brasileiro.
Praia de Ponta Negra.[editar] Indústria
A maior parte das indústrias do estado ficam concentradas na Região Metropolitana de Natal, e são basicamente industrias de produtos texteis, bebidas, produtos agroindustriais e algumas indústrias de automoveis (principalmente ônibus).

As exceções ficam principalmente nas indústrias petrolíferas em Mossoró, nas industrias que processam sal em Areia Branca e algumas industras texteis em Caicó.

Indústria Petrolífera
A principal atividade econômica do estado do Rio Grande do Norte é a extração e o processamento de petróleo, sendo o maior produtor em terra do Brasil e um dos principais abastecedores de gás para o Nordeste. Tem três unidades de processamento de gás natural, o qual é injetado no duto Nordestão a partir do Pólo de Guamaré, onde, também, produz-se diesel, biodiesel e querosene de aviação - QAV, além de outros co-produtos.

Recentemente, foi anunciada a instalação de uma refinaria no estado, fazendo-o despontar na economia regional e nacional. A maior atividade de exploração de petróleo em terra de todo o país ocorre na região de Mossoró.[carece de fontes?]

Turismo
O turismo no estado se destaca principalmente nas cidades litorneas, especialmente na capital e no Pólo Costa das Dunas. Além disso, a cidade é dotada de importante aeroporto e boa infra-estrutura hoteleira. Praias como Ponta Negra, Pipa e Genipabu são as mais procuradas.

Vista panormica da Praia de Pipa, uma das praias mais famosas do Brasil.


Artesanato
A produção artesanal é significativa no litoral, em Tibau e na Grande Natal. A principal matéria-prima trabalhada é a areia colorida. Os próprios artesãos recolhem a areia das praias e encostas e trabalham com as garrafas de vidro: desenhando paisagens, pescadores trabalhando, outras pessoas, bonecas, casas, praças, ruas, flores, plantas o animais. Além das garrafas de areia, pequenos chaveiros e adornos com desenhos de areia também são produzidos.

Demografia
Cor/Raça Porcentagem[16]
Brancos 37,1%
Negros 3,9%
Pardos 58,5%
Amarelos ou Indígenas 0,4%

O Rio Grande do Norte foi o primeiro estado a abolir a escravidão, dez anos antes do restante do país.[17]

[editar] Educação
Resultados no ENEM Ano Português Redação
2006[18]
Média 34,20 (13º)
36,90 51,27 (12º)
52,08
2007[19]
Média 47,00 (13º)
51,52 54,10 (19º)
55,99
2008[20]
Média 37,47 (14º)
41,69 57,04 (22º)
59,35


Instituto Internacional de Neurociências de NatalA Universidade Federal do Rio Grande do Norte, localizada na cidade de Natal, é o principal centro de ensino universitário e de pesquisa científica do estado. Essa universidade está localizada na capital e por isso recebe um grande fluxo de pessoas, principalmente estudantes.

Também na capital, encontram-se duas unidades do antigo CEFET-RN — Centro Federal de Educação Tecnológica do Rio Grande do Norte — agora - IFRN - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte - instituição pública federal que, além dos tradicionais cursos técnicos no nível de ensino médio, oferta a educação tecnológica de nível superior; mantendo, ainda, três Unidades de Ensino Descentralizadas (UNED): nas cidades de Mossoró, Currais Novos e Ipanguaçu.

O estado conta também com a UERN e a UFERSA, ambas centradas em Mossoró. Tendo a primeira Campus espalhados por várias cidades do estado. Destaca-se também a Universidade Potiguar (UNP). Universidade particular com vários cursos nas mais diversas áreas. Universidade Potiguar (UnP), Faculdade Católica Nossa Senhora das Neves, FARN, FACEX, Faculdade de Natal — FAL, Cmara Cascudo, FANEC, Maurício de Nassau, União Americana e FACEN são algumas outras faculdades particulares do estado.

Em 2006 foi inaugurado o Instituto Internacional de Neurociências de Natal, com sede na capital potiguar. Tal iniciativa, idealizada pelo Neurocientista Miguel Nicolelis (considerado um dos 20 mais importantes neurocientistas em atividade no mundo), visa descentralizar a pesquisa nacional, atualmente restrita às regiões Sudeste e Sul. No decorrer de 2009 será inaugurado o chamado "Campus do Cérebro" em Macaíba, que contará com um interessante projeto de inclusão social além da parte científica. O Instituto de Neurociências trabalha em forte parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Norte na geração de conhecimento científico de qualidade, trazendo um importante fator de visibilidade para o Estado.


Retrato de Felipe Camarão
Clodoaldo Silva
Roberta Sá em um show em Natal[editar] Potiguares ilustres
Artistas
Núbia Lafayete - Cantora.
Marina Elali - Cantora.
Roberta Sá - Cantora.
Cussy de Almeida - Maestro.
Abraham Palatnik - Pintor.
Celestino Alves - Poeta.
Rodrigues Pinagé - Poeta.
Gilliard Marinho - Cantor.
Davi Cunha Lima- O "Espanta" - Comediante.
Carlos Alexandre - Cantor.
João Batista- Cantor.
Leon Góes - Ator.
Atletas
Ana Cláudia Silva - Ginasta.
Clodoaldo Silva - Nadador paraolímpico.
Márcio Mossoró - Futebolista.
Marinho Chagas - Ex-Futebolista.
Oscar Schmidt - Ex-Jogador de basquete.
Antônio Naelson Zinha - Futebolista.
José Ivanaldo de Souza - Futebolista.
Richarlyson Barbosa Felisbino - Futebolista.
Virna Dias - Jogadora de vôlei.
Vicente Lenilson - Velocista.
Claudio Richardson - Marchador.
Escritores e jornalistas
Luís da Cmara Cascudo - Historiador e maior folclorista do Brasil.
Auta de Souza - Poetisa.
Murilo Melo Filho - Imortal da Academia Brasileira de Letras.
Henrique Castriciano - Escritor e fundador da Escola Doméstica de Natal.
Nísia Floresta - Escritora, nascida em Papari, atual Nísia Floresta, uma das pioneiras do feminismo no Brasil.
Moacir de Lucena - Escritor e juiz aposentado.
Rodolfo Konder - Escritor.
Tadeu Schmidt - Jornalista.
Alan Severiano - Jornalista.
Flávio Rezende - Escritor.
Moacyr de Góes - Educador e Historiador.
João Batista Cascudo Rodrigues- Escritor e Educador
Modelos
Fernanda Tavares - Top Model.
Marta Jussara da Costa - Miss Brasil 1979.
Valéria Bohm - 2ª colocada no concurso Miss Brasil de 1997.
Larissa Costa - Miss Brasil 2009.
Políticos
Aluízio Alves - Ex-Governador e ex-Ministro de Estado por duas vezes.
Garibaldi Alves - Senador e Ex-Presidente do Senado.
João Café Filho - Ex-Presidente da república.
José Agripino Maia - Senador e líder do DEM no Senado.
Juvenal Lamartine - Ex-Senador e ex-governador do Estado.
Jerônimo Dix-Sept Rosado - Ex-Governador do Estado.
Dinarte Mariz - Ex-Governador do Estado, influenciou a política local por meio século.
Wilma de Faria - Atual Governadora do Estado.
Rosalba Ciarlini - Senadora.
Micarla de Sousa Weber - Atual Prefeita de Natal.
Alberto Frederico de Albuquerque Maranhão - Ex-Presidente do Rio Grande do Norte.
Vicente Paulo da Silva - Ex-sindicalista e Deputado Federal
Theodorico Bezerra - Ex-Deputado Estadual, Ex-Deputado Federal, Ex-Vice-Governador e Industrial, Comerciante, Agricultor Potiguar.
Djalma Marinho - Deputado Federal
Outros
Augusto Severo de Albuquerque Maranhão - Um dos pioneiros da Aviação no Brasil.
Lindalva Justo de Oliveira - Religiosa nascida em Assu, e foi morta a várias facadas em Salvador, Bahia.
Felipe Camarão - Índio, teve fundamental importncia na luta contra os holandeses.
José Augusto Delgado - Magistrado brasileiro.
Serra do Cuó.jpg[Campo Grande-RN]
Pico do Cabuji
Praia de Tibau
Açude Gargalheiras em Acari

Catedral de Santa Luzia em Mossoró
Praia de Ponta Negra em Natal
Rio Potenji
Ponte Newton Navarro

Praça de Santa Teresinha em Janduís
Igreja Matriz de Senhora Santana em Luís Gomes
Serra do Chapéu em Currais Novos
Cristo Rei em Currais Novos


Referências
1.↑ Ranking do IDH dos estados do Brasil em 2005. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (15 de setembro de 2008). Página visitada em 17 de setembro de 2008.
2.↑ http://www.natalpress.com/index.php?Fa=mat.inf&MAT_ID=24202&...
3.↑ http://tribunadonorte.com.br/noticias/88530.html
4.↑ [1]
5.↑ [2]
6.↑ [3]
7.↑ http://www.searh.rn.gov.br/contentproducao/aplicacao/govrn/imprensa...
8.↑ 8,0 8,1 [4]
9.↑ RN Notícias - Natal é a capital mais tranquila, dizem Revista Epoca e IPEA
10.↑ Sociedade
11.↑ http://www.fundaj.gov.br/geral/observanordeste/textos_especiais_cat...
12.↑ [5]
13.↑ http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/contagem2007/popm... Estimativas do IBGE para 1º de abril de 2007
14.↑ Correio da Tarde - RN é o que paga melhor em emprego formal, diz IBGE
15.↑ Dn Online - RN paga 2º melhor salário do Nordeste
16.↑ IBGE. Populaחדo e Domicםlios - PNAD 2004 (dados obtidos por meio de pesquisa de autodeclaraחדo)..
17.↑ História de Natal - Brasil
18.↑ http://download.globo.com/vestibular/enem2006_desempenhoregiaouf.doc
19.↑ http://download.uol.com.br/educacao/enem2007_mediasredacao.xls
20.↑ http://www.inep.gov.br/download/enem/2008/Enem2008_tabelas_01a101.xls
[editar] Ver também

Praia de Cotovelo em Parnamirim, a terceira cidade mais importante do estado.Lista de governadores do Rio Grande do Norte
Lista de municípios do Estado do Rio Grande do Norte por população
Publicidade e propaganda no Rio Grande do Norte
[editar] Ligações externas
A Wikipédia possui o Portal do Rio Grande do Norte. Artigos sobre história, cultura, atrações, personalidades e geografia.
Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Documentos originais no Wikisource
Imagens e media no Commons

CommonsWikisource
Página oficial do Governo do Rio Grande do Norte (em português)
Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte (em português)
Anuário Estatístico do Rio Grande do Norte (em português)
História do Rio Grande do Norte (em português)
História e Informações dos Municípios do Rio Grande do Norte (em português)
Direito do petróleo, gás e biocombustíveis no RN.Universidade Federal do Rio Grande do Norte (em português)


Bandeira do estado do Rio Grande do Norte


Aplicação ...
Proporção 2:3
Adoção 3 de dezembro de 1957
Cores Verde
Branco


A Bandeira do Rio Grande do Norte foi desenhada por Luís da Cmara Cascudo,notório expoente da cultura potiguar , e apresenta no brasão os elementos básicos que melhor representam o Rio Grande do Norte. O coqueiro à esquerda, a carnaúba à direita, a cana-de-açúcar e o algodão representam a flora. O mar, com a jangada, representa a pesca e a extração de sal responsável por 95% da produção de sal no Brasil. O verde é a esperança e o branco é a paz. Com uma origem quase que exclusivamente extrativista , o estado do Rio Grande do Norte , expõe em sua bandeira o que é e principalmente o que já foi a principal fonte de renda do estado.
 


First  Previous  2 to 11 of 11  Next   Last  
Reply  Message 2 of 11 on the subject 
From: QUIM TROVADOR Sent: 24/04/2010 18:27


Acari - RN

Considerada umas das cidades mais limpas do Brasil, Acari também se destaca por suas belezas naturais. Nos arredores da pequena cidade do Seridó Potiguar, o visitante pode visitar sítios arqueológicos (pinturas rupestres), escalar grandes rochedos ou simplesmente contemplar o pitoresco Açude Gargalheiras aos pés da serra.

Onde fica
Distante 210 km de Natal, capital do RN.
Por que ir
O ideal é conhecer Acari em dois momentos: o primeiro, no período de estiagem, e, o segundo, na época das chuvas — as paisagens são totalmente diferentes. Quando o açude transborda, é sinônimo de festa na cidade.
Quando ir
É só seguir a metereologia. O período das chuvas, teoricamente entre os meses de março e julho, é a época mais verdejante.
Quem vai
Principalmente ecoturistas e potiguares. O clime de paz e romantismo transmitido pelo cenário (açude com cedeias de montanhas) também atrai muitos casais em lua de mel.

Reply  Message 3 of 11 on the subject 
From: QUIM TROVADOR Sent: 24/04/2010 18:27


Imagem noturna de Natal RN


PASSEIO NA CIDADE DO NATAL

Vamos fazer um passeio
Por esta cidade bela
Visitar de Norte a Sul
Pelo mar, num barco à vela.

Praia de Ponta Negra
És menina encantadora
Teu encanto é o Careca
Tuas águas beijam o morro.

Potengi dos meus amores
No teu cais o sol poente
Me enternece e espanta as dores
Tuas águas reluzentes.

Praia das Areias Pretas
Negras pérolas do oceano
Praia do Meio e Artistas
à tardinha é quase um sonho.


Indolente e imponente
A fortaleza dos sonhos
Tem início sua história
Cidade dos meus encantos.

Na praia do Forte, os fortes
Desbravaram esta terra
Deixaram semente plantada
Pro povo da nossa era.

A beira do mar se formou
Comunidade primeira
Em quatro séculos de história
Esta terra hospitaleira.

FATIMA MOTA

 


Reply  Message 4 of 11 on the subject 
From: QUIM TROVADOR Sent: 24/04/2010 18:28
Apodi- RN


O Município de Apodí fica encravado na micro região da chapada que leva o mesmo nome e tem o privilégio de ter em seu território, o conceituado Sítio Arqueológico do Lajedo de Soledade. Com suas maravilhosas pinturas rupestres, o Município ainda possui o 2º maior reservatório d’ agua do Estado do Rio Grande do Norte – A Barragem de Santa Cruz, com capacidade para armazenar 600 milhões de metros cúbicos do precioso líquido. O Hotel Lajedo, fica a 12 km da sede do Município e dispõe de 27 confortáveis apartamentos, 80 leitos, bar , restaurante, escritório virtual, estacionamento, lavanderia, salão de eventos, sala de jogos, serviços disponibilizados para o seu sucesso no trabalho e no lazer. Conheça o Lajedo de Soledade, maior exposição calcária da Bacia Potiguar e desfrute de um cenário totalmente inserido no contexto Turístico nacional e internacional.
Fonte Wikipédia



História da Cidade

Em 19 de Abril de 1680, o Capitão-Mor Geraldo de Suny concedeu aos irmãos Manoel Nogueira Ferreira e João Nogueira a sesmaria, por eles requerida, para colonizar a ribeira do Apodi. A disputa pelas terras era uma evidência. Colonizadores e índios Paiacus reivindicavam o domínio das terras. Em 1685, os Nogueiras retornaram à Paraíba, de onde eram naturais, voltando pouco tempo depois à região, dando prosseguimento aos trabalhos de colonização. Com a sublevação geral dos índios ocorrida entre os anos de 1687 e 1696, morre Baltazar Nogueira em luta travada com os índios. Não suportando mais os ataques dos silvícolas, os colonizadores tiveram que se retirar da região, onde já haviam feito plantações e instalado a criação de gado. Alguns anos depois os Nogueiras retornaram às terras da ribeira do Apodi com Manoel Nogueira no comando, na condição de Sargento-Mor da Ribeira. A partir daí, o território experimentou uma época de progresso e desenvolvimento, sendo bem explorado e conquistado em virtude da presença dos padres jesuítas que instalaram em janeiro de 1700 na Aldeia do Apodi, a Missão, com o objetivo de catequizar os índios. Em 1761, a Missão foi extinta e os índios transferidos para outra área. Segundo a tradição, o rio e a região eram conhecidos pelo nome de Podi, em referência ao índio Potiguassu e, na decisão jurídica a respeito da posse das referidas terras, a palavra Podi passou a ser Apodi, por questão de pronúncia. No ano de 1766 foi criado o distrito de Apodi. Sua freguesia foi instalada por Dom Francisco Xavier Aranha, do bispado de Olinda e Recife, em 3 de Fevereiro do mesmo ano.

Apodi é um município no estado do Rio Grande do Norte (Brasil), localizado na região da Chapada do Apodi, na microrregião da Chapada do Apodi, na mesorregião do Oeste Potiguar e no Pólo Costa Branca. De acordo com o censo realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) no ano 2007, sua população é de 34.632 habitantes. Área territorial de 1.602 km². A pluviosidade média aferida no Sítio do Góis é de 722,0 mm.

O município foi emancipado de Portalegre através da Resolução do Conselho Geral da Província do Rio Grande.


Lajedo de Soledade - pinturas rupestres.

De acordo com o IDEMA, o solo da região é do tipo Podzólico Vermelho Amarelo Equivalente Eutrófico. O solo tem aptidão restrita para lavouras. Apto para culturas de ciclo longo, regular e restrita para pastagem natural. Uma menor área com aptidão regular para lavouras de ciclo curto.




Igreja Matriz

Reply  Message 5 of 11 on the subject 
From: QUIM TROVADOR Sent: 24/04/2010 18:30


REPASSANDO DE FATIMA MOTA

em 10 janeiro 2010


Eu sinto saudade do tempo
De quando ficava na janela
Vendo a vida passar
Das conversas nas calçadas
De contar estrelas nas madrugadas.
Guardo relíquias
Tenho uma caixinha cheia de trecos
Fotos antigas
Amareladas
As lembranças renascem
Recordo momentos
Guardo meus espelhos quebrados
Ranhuras que o tempo não apagou
Mas ainda mostram imagens.
Num canto da sala estão meus convidados
Amigos de infncia
Segredos in_violados
Minhas relíquias dizem muito de mim
Das minhas velhas manias renovadas.
Ainda conservo os meus pecados
Escrevo versos para o passado
E faço festas com champanghe
Ao som de Mozart.
Brindo às minhas lembranças sem medo
O que desejo são tempos de liberdade.

Fátima Mota

Grande parte da minha adolescência passei nesta cidade. Senávamos na calçada da matriz e no coreto da praça. Lembro com muito carinho e saudade.

 

REPASSANDO DE FATIMA MOTA

em 15 janeiro 2010


Nossa linda cidade do Natal _ Fortaleza dos Reis Magos






Orla marítima - visão noturna

 



REPASSANDO DE FATIMA MOTA
em 15 janeiro 2010


Ponta Negra





Ponta Negra

Linda praia que habita
este cansado coração
adolescente atrevida
enamora –me na canção.

Gosto de sentir o teu cheiro
quando a brisa me acaricia
e sentir-te ao amanhecer
quando o sol te diz bom-dia.

Gosto de ver teu azul mar
enfeitar-se com barcos e jangadas
nas águas o arrastão cortar
puxado por mãos calejadas.

Gosto de ver-te conquistando
turistas amantes a encantar
com visões apaixonantes
no encontro lua e mar.

Careca o morro aos teus pés
rende-se a este amor cigano
espera que as marés
venham beijar-te com o oceano.

FMott@ - 1998

 

REPASSANDO DE FÁTIMA MOTA

Nossa linda árvore de natal


Reply  Message 6 of 11 on the subject 
From: QUIM TROVADOR Sent: 24/04/2010 18:31
Rio Potengi



Rio Potengi é um marco zero na história de Natal, uma vez que a cidade foi erguida à margem direita dele. Lá também foi construída a Fortaleza dos Reis Magos, em formato de estrela, um símbolo da colonização portuguesa do local.

A nascente do rio etá localizada em Cerro Corá e a foz em Natal, fazendo com que ele desemboque no Oceano Atlntico. Nele também se encontra uma das maiores pontes estaiadas (suspensa por cabos) do Brasil, a Newton Navarro.


Tem muito mais beleza.......


 


Reply  Message 7 of 11 on the subject 
From: QUIM TROVADOR Sent: 24/04/2010 18:32



Palácio Felipe Camarão - Prefeitura do Natal.

 


Reply  Message 8 of 11 on the subject 
From: QUIM TROVADOR Sent: 24/04/2010 18:33


( Brasão de Natal - RN )

Natal é um município brasileiro, capital do estado do Rio Grande do Norte, pertencente à Região Metropolitana de Natal, à microrregião de Natal, à mesorregião do Leste Potiguar e ao Pólo Costa das Dunas.

Aniversário 25 de Dezembro

Fundação 25 de Dezembro de 1599
Gentílico natalense
Unidade federativa Rio Grande do Norte
Mesorregião Leste Potiguar
Microrregião Natal
Região metropolitana Natal
Municípios limítrofes Parnamirim (ao Sul), Extremoz (ao Norte), Macaíba (a Sudoeste) e São Gonçalo do Amarante (a Oeste).
Distncia até a capital 2.509 quilômetros
Características geográficas
Área 170,298 km²
Densidade 4.546,3 hab./km²
Altitude 30 metros
Clima tropical úmido

A cidade nasceu as margens do rio Potenji e do Forte dos Reis Magos, no extremo-nordeste do Brasil numa região chamada "esquina do continente" distante a 2.507 quilômetros de Brasília. É conhecida como a "Cidade do Sol" ou "Noiva do Sol" por ser uma das localidades com o maior número de dias de sol no Brasil, chegando a aproximadamente trezentos. Também a chamam de "Capital Espacial do Brasil" devido às operações da primeira base de foguetes da América do Sul, o Centro de Lançamento da Barreira do Inferno no município limítrofe de Parnamirim.

Reply  Message 9 of 11 on the subject 
From: QUIM TROVADOR Sent: 24/04/2010 18:34



(FORTALEZA DOS REIS MAGOS)

REPASSANDO DE FATIMA MOTA

em 25 janeiro 2010


A Fortaleza da Barra do Rio Grande[2], popularmente conhecida como Forte dos Reis Magos ou Fortaleza dos Reis Magos, localiza-se na cidade de Natal, no estado brasileiro do Rio Grande do Norte.



A fortaleza[3] foi o marco inicial da cidade — fundada em 25 de Dezembro de 1599 —, no lado direito da barra do rio Potenji (hoje próximo à Ponte Newton Navarro). Recebeu esse nome em função da data de início da sua construção, 6 de janeiro de 1598, dia de Reis pelo calendário católico.

Curiosidades
Forte dos Reis Magos: canhão apontado para a foz do rio Potenji.

* A Fortaleza da Barra do Rio Grande serviu como sede da administração da Capitania do Rio Grande, residência do Capitão-mor, Comando militar, Quartel de Tropas e refúgio dos moradores.
* Entre as atrações do Museu destaca-se um marco do descobrimento do Brasil (para lá trazido na década de 1990);
* Os visitantes são recebidos, à entrada, pela imagem dos Magos Gaspar, Belquior e Baltasar, doada pelo José I de Portugal (1750-1777).
* Os 400 anos da fortaleza foram comemorados por uma bonita emissão filatélica da ECT (6 de Janeiro de 1999).
* A fortaleza é, a partir do ano 2008, um dos 50 monumentos brasileiros candidatos à Eleição das 7 Maravilhas do Brasil, cujo resultado sairá em 1º de janeiro de 2009.
* A fortaleza foi uma das eleitas do concurso da revista Caras: "Sete Maravilhas do Brasil".

Reply  Message 10 of 11 on the subject 
From: QUIM TROVADOR Sent: 24/04/2010 18:38
r



Lagoa de Arituba (Foto de Fátima Mota)

 

REPASSANDO DE FATIMA MOTA

em 22 fevereiro 2010

Esta foto eu tirei ontem ( Por do sol na Praia de Camurupim ). Amo essa praia.



 

  •  

Reply  Message 11 of 11 on the subject 
From: FATIMA MOTA Sent: 25/04/2010 01:27
Obrigada por ter repassado as mensagens sobre o meu estado. Desejo muito sucesso !


First  Previous  2 a 11 de 11  Next   Last  
Previous subject  Next subject
 
©2022 - Gabitos - All rights reserved